igreja maranata – adultério e fornicação em maanains

> SEM DIZER QUE ALI JÁ ROLOU CADA UMA CASO! AM SE OS BELICHES FALASSEM!!!!!
> ATÉ PR CHEFE JÁ DESFRUTOU DO SERVIÇO DO QUARTO TRIPLEX MOTEL,APESAR DE
> CAMA SER DURA !!
> !!!!! SÓ QUE ROLOU UM ABAFA BÁSICO!!!!!!!!
> Infelizmente este comentário parece ser verdade. Já o ouvi algumas vezes
> por voluntários que tinham frequencia no maanaim.
> em portugues claro… adultério ou fornicação ali dentro? Foi isso q
> entendi…
>
> adultério ou fornicação ali dentro?
>
> Aqueles alojamentos me enojavam, não por sujeira mas por eu ter que sair
> do conforto da minha casa para ter que compartilhar da intimidade de um
> monte de homens porcos sem educação que eu não conhecia e nem queria
> conhecer. Ter que levar para aquele lugar tapa ouvidos se quisesse dormir,
> primeiro pelas conversas intermináveis e chatas dos imbecis que insistiam
> em desobedecer a hora do silêncio, segundo pelos roncos altíssimos. Não
> sei se alguém gostava daquilo, mas eu odiava.
>
> A única lembrança ruim que tenho do alojamento, quando ao chegar em casa
> de um 3° periodo (?) , não mais achei minha blusa azul NOVINHA que
> acabara de ganhar da minha esposa e que não usei nenhuma vez, por que não
> fez frio nenhum lá.A vergonha alheia que senti em contar que “um irmão”
> que já havia feito o 3° período simplesmente me roubou . não entendia como
> poderia isso ser possível…….. Hoje mesmo após saber que pastores do
> PES roubaram milhôes do dízimo, não consigo entender como um “irmão” vai
> ao seminário e na cara dura tira coisas da mala de outro “irmão”!!!
>
> se o dos homens era assim, imagine o das mulheres , fofocas, risadinhas
> ,preparação para o desfile de modas, falta de educação e respeito para com
> aqueles que queriam descansar , além dos odores desagradáveis e dos roncos
> insuportáveis, realmente era muito complicado “dormir” naquele ambiente.
> Graças a Deus estou livre desse constrangimento.
>
> As vezes um momento que era para ser de alegria se tornava insuportável.
> Eu nunca gostei de dormir cedo e gostava de ficar conversando mas não
> podia porque num alojamento gigante tinha que respeitar quem queria
> dormir. Então eu ficava escutando os roncos e os peidos, arghhhh. Seria
> melhor se fossem quartos onde pessoas com os mesmos gostos ficassem
> juntas, mas como disse nosso irmão falta verba $$$$. Afinal eles tem que
> juntar dindin pra comprar mais mansões em Miami, quem sabe uma em Abu
> Dabi?
>
> Eu nunca dormi no alojamento, não conseguia, roncos infindos!! E no
> alojamento feminino as meninas acordavam e começava a sinfonia das
> sacolas… Sempre falei pros rapazes, vc quer ver como são as tchutchucas
> do maanaim de verdade vão para o alojamento, terão a visão do inferno!!
> kkk
>
> …Os pastores dormem em um chalé bem confortável, poderiam dormir no
> alojamento também.
>
> E as esposas deles, as filhas, as amiguinhas das filhas, as funcionárias
> do PES, as dondocas da alta sociedade Maranática…Esse povo aí nunca
> enfrentou um banho gelado ou morcegos sobrevoando os alojamentos e muito
> menos precisaram fazer fila pra banho, pra escovar os dentes, pra usar o
> banheiro. Eu fui muito ao Maanaim, mas não dá pra dizer que aqueles
> alojamentos são um hotel 5 estrelas, aliás, estrela nenhuma né?
>
> Havia toda essa distinção para a “alta sociedade maranática,é?” Nunca
> soube disso, Sabia dos pastores.
>
> É então reflexo da “sociedade de privilégios”, característica nacional,
> Mais uma prova de que a ICM é somente mais uma igrejinha com todos os
> vícios da sociedade onde surgiu como acepção de pessoas depedendo da sua
> classe social. Isso em claro contraste com o que o Senhor nos ensinou.
>
> Sim, as filhas e esposas dos pastores que passaram pela Igreja que eu
> frequentava nunca ficavam nos alojamentos conosco, e eu, assim como as
> outras jovens, como não éramos da “alta” nunca podíamos ficar em chalé
> nenhum, só as dondocas de Vila Velha 1 e Praia da Costa.
>
>
> enquanto os dizimistas se amontoam todos…
>
> os que recebem o dizimo: carro importado, empresas na europa, dolares para
> o exterior, apartamentos de luxo em Miami
> eeeeee povão trouxaaaaaaaaaaaaaaaa
> Fiquei sabendo que ate tiro rolou no alojamento de trabalhadores, o irmao
> ainda tem a bala alojada na cabeça, mas houve o famoso abafa
>
> os alojamentos da OBRA tem que ser melhores rapaz. É da OBRA que você tá
> falando não é? POis é, alojamentos revelados, na velocidade da luz. A
> questão não é a qualidade e a inevitabilidade de acontecidos
> desconfortáveis, a questão é a OBRIGATORIEDADE de ir pra lá amigo, eu não
> gosto daquilo, não sou soldado pra dormir em alojamento e se voce procurar
> saber os alojamentos militares tem comida de primeira. Agora uma coisa, a
> maranata constrói mansões em DOMINGOS MARTINS com dinheiro desviado, por
> que não construir os seus 3000 chalés?
>
> sou reservada e nunca gostei desse investimento “espiritual”, ir ao
> Maanaim é sim uma imposição, você pode até procrastinar, mas se quer
> cargos e etc… não tem como ser diferente: Organize sua mochila chiando
> ou não, e siga os bons.
> Observando mais amplamente, dada a sociedade ” ? ” em que vivemos, não
> é diferente dentro do “acampamento” de anjos, existe de A a Z os
> privilegiados. Alojamento e comidas separadas. Pastores e os filés são
> apresentados. Esposas e filhas de pastores são agraciadas por revelação.
> Desde que o mundo foi mundo esses ditames nunca mudaram (lê-se: Desde que
> a ICM foi ICM).
> Quando estive lá, nada passou despercebido, sempre achei importante
> observar tudo sem ares de críticas, mas para conhecimento, não perdi
> tempo, acho que ganhei mais autoridade para falar o que falo aqui.
> O eixo maior é o dinheiro que se movimenta lá dentro, porque nada cai por
> acaso alí nas muralhas espirituais.Todos os membros são convidados
> (obrigados) a fazer sim os estudos, ou será visto como desacertado, fraco
> na fé. Se você mora na capital que tem uma “fazendinha encantada” dessas,
> ainda o custo é menor, mas se você mora numa média de 900km, tem que
> enfrentar os percalços.
> A rotatividade financeira é clara, faça às contas.Por deveras, os casais
> já tiveram muitos problemas em seus lares, quando ela a esposa entendia a
> OBRIGAÇÃO de frequentar e o esposo não, ou ao contrário. Um se achando
> mais espiritual do que o outro, numa disputa imprópria para um lar que se
> diz edificado por Deus. Pasmem! Começa a rachar. Neste exemplo quero
> colocar ela como sendo a que quer ir ele não, pois bem, é um pulo
> milimétrico para declarem guerra. Ela passa a achar que está na “BENÇA’ na
> fazendinha encantada, e sua casa e seu marido as moscas por muito pouco
> tempo, afinal, as aves de rapina chegam mais rapidamente do que as moscas.
> Se fosse dá exemplos, aqui… talvez ficasse falando sozinha, mas eu creio
> que em algum coração, cada letra seja valorizada.
> Está provado que todas as igrejas locais e etc, estavam e estão passando
> pela fase da economia, e aonde não existe manutenção a degradação é mais
> voraz.
> Os recursos sagrados, eram para a obra de si mesmo e não convertidas as
> melhorias, dada a demanda da membresia.Aqui se questiona, o que os olhos
> dos inocentes viam e não tinham como confrontar.Aqui se questiona, o que
> os passos dos inocentes avançavam e não tinha como seguir seus próprios
> destinos.
> É provado que a criação de chalés e o número de 3.000 mil é pouco para o
> que se arrecada. Mas, é estudado psicologicamente que o homem é o “ser da
> falta”.
> O luxo e o bom gosto nessas localidades faraônicas, não justifica aos
> membros, estarem se esbarrando da forma flagelante a qual são tratados,
> não existe mesmo razão dessa inópia.Quem não tem queixas que compreenda de
> forma ampla o que nos reportamos, e não se prenda a PEDRA QUE JESUS NÃO
> TINHA PARA RECOSTAR.O Antônio na sua postagem, falou de algo
> primorosamente importante: PIOR DE TUDO, É ISSO MESMO .
>
>
> É assim que a classe fica no seminario após a aula do supremo GG sobre
> Pascoa,ninguém entende nadica de nada,ele fala o coelho,bacalhau depois
> disse que na Oubra não se prega uso e costume,foi o que entendi no
> comentario sobre comidas proibidas pele GG,,
>
> “Curta a obra com Moderação, pois ela é curta… e fique de olho aberto,
> senão vão sumir com o seu $$$….
>
> Irmãos eu sei bem do que vocês estão falando… Antes de ser tecladista
> das Aulas de Gedelti, eu passei por este sufoco, depois de virar Popstar e
> entrar pra nata dos amigos de Vila Velha 1 e Praia da Costa, tudo mudou
> completamente, e vos digo que a diferença entre os alojamentos comuns e os
> reservados é como se eu fosse comparar o Céu e o Inferno…. Eu ficava
> impressionado com tamanha regalia, só porque comecei a dar minha cara a
> tapa tocando nas aulas de Gedelti e Amadeu… Não posso reclamar, pois fui
> um dos poucos que tive “tais regalias” de Ficar em alojamentos reservados,
> Chalés e fazer as refeições no refeitório do Gran Mestre… Vocês não
> fazem idéia de como era o cardápio das refeições desde o café até a ultima
> refeição, extremamente farto e variado, com direito a mesa de frutas de
> sobremesas variadas e tal… Eu estava ali… sim estava, gostava ??? Sim
> gostava, mas na minha cabeça eu me perguntava Meu Deus por que tanta
> diferença de tratamento ??? .
>
> Digo popstar como forma irônica odiava este apelido que o pessoal de Vila
> Velha 1 e da Catedral me colocaram … Eu nunca me achei merda nenhuma….
> Me lembro que antes de todas as aulas em que eu tocava, a minha oração era
> sempre para que eu fosse um vaso usado nas mãos do Senhor.

fonte: email recebido

Sobre cavaleiroveloz

Porque, se tomarmos parte no sofrimento de Cristo, também tomaremos parte na Sua glória
Esse post foi publicado em Testemunhos de obreiros, servos, pastores, diaconos e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para igreja maranata – adultério e fornicação em maanains

  1. Cavaleira da verdade disse:

    Muito nojo! Nem parentes e amigos podiam ir la. Tinhamos aquilo como um lugar santo, sagrado. Mas pelo que li virou um motel de 5 ª categoria.
    .
    .
    SEMPRE FOI ASSIM

    Enquanto os servos de Deus dão suas vidas pela “obra” – os fundadores e donos da obra se alimentam com o amor e dízimo deles para cometer crimes, adultérios, pedofília, tráfico e outros crimes ainda por desmascarar muito mais graves…

    Por isso o lema para 2013 – preparando os servos de Deus para fechar olhos e ouvidos para a VERDADE exposta – para a obra de gedelti exposta!

  2. AssenJusa Ma Neto disse:

    Nao, nao roubaram milhoes, roubaram bilhoes (2bi400mi) estimado. Segundo fontes serias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s