maranata – o Ministério de Saúde adverte a obra faz mal à saúde

 

MINISTÉRIO DA SAÚDE ADVERTE: A OBRA FAZ MAL À SAÚDE!

 

maranata - o Ministério de Saúde adverte a obra faz mal à saúde

maranata – o Ministério de Saúde adverte a obra faz mal à saúde

Li um artigo do médico Drauzio Varela, a respeito de doenças psicossomáticas, e gostaria de compartilhar com os amados irmãos.

Durante longos 2 anos da minha vida, sofri com uma doença terrível: a síndrome do pânico. Esse diagnóstico chegou e transformou minha vida de uma pessoa saudável, ativa e que não tomava nem analgésico sequer, passei a utilizar 11 comprimidos diariamente.

Foi devastador. Usei todos os recursos disponíveis: medicamentos, terapia, e o amor e compreensão da família foram oásis no deserto. O Senhor me socorreu, falou comigo de uma maneira ímpar e eu venci essa doença.

Todo esse calvário, porém, passei em silêncio com meu Deus e minha família.

Na ICM as doenças psicossomáticas são tratadas como “opressão”. Quantas vezes fazia um esforço enorme para conseguir chegar à igreja para ouvir que o “crente fiel não tem depressão, não fica triste, não tem síndrome do pânico etc”. Se alguém tivesse qualquer doença de natureza psicológica era tido como “caído”.

Caso eu tivesse a audácia de conversar com meu pastor sobre isso, certamente eu e meu marido perderíamos todas as funções(isso era o mais importante!?) e certamente meu marido seria “marcado”. A sinceridade não é bem-vinda na seita.

Mas lendo esse artigo percebi que era assim que eu vivia, mas Graças a Deus que pelo seu Espírito Santo me resgatou desse sistema opressor…espero que os que ainda não se decidiram, o façam também pelo bem da sua saúde!

Vamos ao artigo:

“Cerca de 70% das doenças são psicossomáticas, veja algumas formas de evitá-las. Para ser mais saudável,
TOME DECISÕES:
A pessoa indecisa permanece na dúvida, na ansiedade, na angustia. A indecisão acumula problemas, preocupações, agressões.
A história humana é feita de decisões e para decidir é preciso saber renunciar, saber perder vantagens e valores para ganhar outros. As pessoas indecisas são vítimas de doenças nervosas, doenças gástricas e de problemas de pele.
BUSQUE SOLUÇÕES:
Pessoas negativas não enxergam soluções e aumentam os problemas.
Preferem a lamentação, a murmuração, o pessimismo. Melhor é acender o fósforo, que lamentar a escuridão. Pequena é a abelha, mas produz o que mais doce existe. Somos o que pensamos. O pensamento negativo gera energia negativa que se transforma em doença.
NÃO VIVA DE APARÊNCIAS:
Quem esconde a realidade, finge, faz pose, quer dar a impressão que está bem, quer mostrar-se perfeito, bonzinho e etc…está acumulando toneladas de peso, uma estátua de bronze com pés de barro. Nada pior para a saúde do que viver de aparências e fachadas. São pessoas com muito verniz e pouco conteúdo. Seu destino é a farmácia, o hospital, a dor.
ACEITE-SE:
A rejeição de si próprio, a ausência de auto-estima, faz com sejamos algozes de nós mesmos. Ser eu mesmo é o núcleo de uma vida saudável. os que não se aceitam são invejosos, ciumentos, imitadores, competitivos, destruidores. Aceitar-se, aceitar ser aceito, aceitar as críticas, é sabedoria, bom senso e terapia.
CONFIE:
Quem não confia, não se comunica, não se abre, não se relaciona, não cria laços profundos, não sabe fazer amizades verdadeiras.
Sem confiança não há relacionamento. A desconfiança é a falta de fé em si, nos outros e em Deus.
VIVA SEMPRE ALEGRE:
O bom humor, a risada, o lazer, a alegria, recuperam a saúde e trazem vida longa. A pessoa alegre tem o dom de alegrar, de contagiar o ambiente em que vive. O bom humor nos salva das mãos do doutor…alegria é saúde…alegria é terapia.”

SER UM DESERTOR FAZ BEM PRA SAÚDE TAMBÉM…

Com amor,

Débora

Publicado por Débora Ramos em http://cavaleiroveloz.com.br/index.php/2012/06/desertores-quem-sao-e-onde-estao/comment-page-1/#comment-12219

fonte: http://diganaoaseita.wordpress.com/2012/10/06/ministerio-da-saude-adverte-a-obra-faz-mal/

Sobre cavaleiroveloz

Porque, se tomarmos parte no sofrimento de Cristo, também tomaremos parte na Sua glória
Esse post foi publicado em Testemunhos de obreiros, servos, pastores, diaconos e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s